Autor

Minha foto

Arquiteto e Urbanista, sócio fundador do escritório FAUST arquitetura em 2005, trabalhando no mercado de arquitetura, engenharia e design. Graduado pela Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC em 2004.Pós-graduado em Espaço celebrativo litúrgico e arte-sacra na Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia [FAJE].
Assina a autoria de 113 Igrejas, 22 salões paroquiais, 18 centros de evangelização, 5 sedes de ação social e 8 casas paroquiais, em 13 estados, 72 cidades no Brasil e no México. Além disso participou em outros projetos e obras como consultor. Ministra palestras e Cursos em Arquitetura Sacra. Escreve artigos para a revista Paróquias e Casas Religiosas de São Paulo.


CONTATO

arq.Eduardo.Faust | CAU A44041-8 | FAUST arquitetura | CAU 33490-1

■ Cel. whatsapp | 48 | 999779388 EMAIL | contato@eduardofaust.com
SITE | eduardofaust.com
■ FACEBOOK | facebook.com/FAUST.eduardo

quarta-feira, 20 de abril de 2011

■ QUANTO CUSTA UMA IGREJA?

Uma Igreja bela, funcional e liturgicamente correta pode custar menos que uma "Igreja Galpão"?
A resposta é sim, vamos analisar e ver porque.

Análise será baseada no confronto de dois cenários: um primeiro conforme os indicadores da construção civil, ponderando as especificidades da construção de uma Igreja; e outro mostrando os custos da Igreja de Nossa Senhora de Guadalupe de minha autoria.

Fachada | Igreja Nossa Senhora de Guadalupe. Paróquia da Santíssima Trindade. Pároco: Frei Cácio. Projetos: Faust■Salvagni  [Itacorubi, Florianópolis.SC] | Fonte.: Acervo faust/salvagni


A primeira vista uma obra com visual requintado como a Igreja de Nossa Senhora de Guadalupe passa a impressão de ser uma obra de alto custo. Porém a análise aqui mostra que ela chega a ser mais barata que os índices de mercado.



■ Indicadores da construção Civil utilizados:

Todos indicativos tentam resumir quanto custa um metro quadrado de uma construção final. Neste metro quadrado estará projetos, material, mão de obra e impostos. O método é simples: faz-se um orçamento completo de uma casa de 100,00 m² sendo ele R$ 100.000,00 o indicador será R$ 1.000,00 por m². Porém como custos envolvem condicionantes [número de andares, comercial, residencial, etc] cria-se cenários gerais para que esta média [indicador] seja mais exata.

CUB

O mais famoso e utilizado, e porque não dizer, o indicativo oficial da construção civil é o CUB [custo unitário básico]. Ele é elaborado mensalmente pelo SINDUSCON [Sindicato da Indústria da Construção Civil] e possui cenários distintos conforme a NBR 12721. Porém existe um CUB estadual geral que como o próprio SINDUSCON explica funciona da seguinte forma:

"O CUBm, habitualmente divulgado pelos meios de comunicação, representa a média aritmética dos 8 (oito) CUB’s Residenciais calculados para cada um dos projetos-padrão dessa modalidade."

CUB Abril/2011 | SINDUSCON Florianópolis | Fonte.: http://www.sinduscon-fpolis.org.br



Baixe a tabela atualizada em PDF no site do SINDUSCON ██ Neste Link

 
PINI

PINI é uma das maiores editoras de revistas e livros técnicos especializados de arquitetura e construção civil. A editora possui tradição na área de estimativa de custos e quantificações de obras, publicações como a revista Construção e Mercado e os livros TCPO, são ferramentas já cotidianas em construtoras. 

A PINI tem seu próprio indicativo de construção.

PINI | Março/2011 | Florianópolis | Fonte.: http://www.construcaomercado.com.br/IC



Confira a tabela atualizada no site da PINI. ██ Neste Link



■ Análise da Igreja conforme o CUB e o índice PINI.

Como podemos conferir não existe uma modalidade "Igreja", para ponderar temos os seguintes dados.

Ponderação |

Galpão industrial possui acabamento mais barato [comparado ao popular residencial] que uma igreja [telhas metálicas, pisos de porcelanato, forro de madeira, iluminação específica, etc..]. Porém possui elementos estruturais parecidos [grande vão livre obtido pela cobertura com estrutura metálica, pé direito alto].

Podemos buscar essa diferença entre acabamento padrão popular e padrão alto do uso residencial e assim criar o Industrial Padrão Alto.

PINI | Residenciais | Pop.703,99 - Alto.1275,55 =  571,56
PINI | Industrial | 948,72
Igreja [baseado no índice PINI] 948.72+571.56 = 1520.78

CUB | Residenciais | Pop.945.34 - Alto.1362.76 = 417.42
CUB | Industrial | 534.37
Igreja [baseado no CUB] 534.37 + 417.42 = 951,79

Igrejas possuem torres altas, a de Guadalupe possui 17,00m, altura equivalente a um prédio de 5.6 andares. Considerando que a torre possui uma estrutura mais pesada por esta verticalização consideraremos os índices dados a prédios da mesma altura.

PINI | Prédio médio comercial sem elevador = 1.101,41
CUB | Prédio Comercial padrão Normal = 940,99

Fazendo uma média entre os índices teremos:

Corpo da Igreja = R$ 1236,29 a cada m²
Torre = R$ 1021,20 a cada m²


Isométrica da estrutura | Igreja Nossa Senhora de Guadalupe. Paróquia da Santíssima Trindade. Pároco: Frei Cácio. Projetos: Faust■Salvagni  [Itacorubi, Florianópolis.SC] | Fonte.: Acervo faust/salvagni

■ Custos da Guadalupe conforme os indicadores

Base para o cálculo é a metragem quadrada e o índice.

- Áreas da Igreja x Índice
Corpo | 337,80m² x R$ 1236,29
Torre | Projeção 6,65m² x 5,6 Pavimentos = 37.24 m² x R$ 1021,20

Custo total = R$ 455.648,25

Custos da Guadalupe conforme os quantitativos e estimativa de custos.

Base de cálculo é o orçamento detalhado baseado nos quantitativos obtidos atravez dos projetos. Levando em consideração todos elementos da obra.


Resumo da tabela de custos | Igreja Nossa Senhora de Guadalupe. Paróquia da Santíssima Trindade. Pároco: Frei Cácio. Projetos: Faust■Salvagni  [Itacorubi, Florianópolis.SC] | Fonte.: Acervo faust/salvagni

Custo com material e parte da mão de obra = R$ 315.881,25
Custo com mão de obra restante = R$ 90.000,00
Custo com projetos e taxas R$ 40.000,00
Custo total = 445.881,25

Presbitério | Igreja Nossa Senhora de Guadalupe. Paróquia da Santíssima Trindade. Pároco: Frei Cácio. Projetos: Faust■Salvagni  [Itacorubi, Florianópolis.SC] | Fonte.: Acervo faust/salvagni

Isométrica | Igreja Nossa Senhora de Guadalupe. Paróquia da Santíssima Trindade. Pároco: Frei Cácio. Projetos: Faust■Salvagni  [Itacorubi, Florianópolis.SC] | Fonte.: Acervo faust/salvagni

_______________________________________
■ ANÁLISE DOS NÚMEROS

Custo total [estimado pelos indicadores] = R$ 455.648,25
Custo total [levantamento de quantitativos] = R$ 445.881,25

Vemos que a Igreja de Guadalupe custa R$ 10.000,00 a menos que a estimada por índices.
Com este valor já podemos acabar com o mito de que "este tipo de arquitetura é mais cara", uma arquitetura pós-moderna bem pensada e funcional pode ser mais barata que uma "Igreja comum".

Por que é mais barata? 

Cerca de 60% dos custos de uma igreja estão em elementos impossíveis de se "baratear":  Estrutura + fundações [ pesada por possuir uma torre], cobertura [vão livre interno muito grande que exige estruturas metálicas].

Sendo assim os outros 40% estão em elementos que no projeto foram pensados maximizando o custo benefício tanto de materiais quanto de execução.

Alguns exemplos:
 - Para evitar gasto com reboco foram utilizados blocos de concreto canelados nas paredes [que melhoram o desempenho acústico] e no restante a monocapa, que se aplica diretamente sobre o tijolo que da um aspecto de pedra.
- O uso de porcelanato substitui o uso de granitos, em outras igrejas conseguimos belos exemplos por R$ 42,00 por metro.
- Pinus tratado [autoclavado] é a madeira com menor custo do mercado, possui alta resistência contra insetos xilófagos, porém baixa resistência mecânica, sendo assim utilizamos no forro.

- Entre outras alternativas

Entrada e mezanino | Igreja Nossa Senhora de Guadalupe. Paróquia da Santíssima Trindade. Pároco: Frei Cácio. Projetos: Faust Arquitetura [Itacorubi, Florianópolis.SC] | Fonte.: Acervo faust ARQ


Igreja Nossa Senhora de Guadalupe
Paróquia da Santíssima trindade | Pároco Frei Cácio PetekovResponsável | Marcos Kram  

Itacorubi, Florianópolis, Santa Catarina, Brazil


Arquitetura e autoria: Arq Eduardo FaustMobiliário Litúrgico: Arq Eduardo FaustLightning Design: Arq Eduardo FaustProjetos complementares: FAUST■arquitetura & engenhariaQuantitativos e estimativas de custos: FAUST■arquitetura & engenhariaArte Gráfica: FAUST■arquitetura & engenharia


______________________________________________________________

SEGUNDO EXEMPLO 
______________________________________________________________



Igreja Matriz São Sebastião

■ Paróquia São Sebastião
■ Pároco | Padre Jaime Lemos■ Autor | Arq Eduardo Faust■ Projetos | FAUST arquitetura & engenharia■ Localização | Japurá, Paraná, Brasil


Veja os custos completos de uma obra nesta matéria:

http://www.arquiteturadosagrado.blogspot.com.br/2014/09/reforma-e-seus-custos-revista-paroquias.html



Reforma Passo a Passo
Matéria que escrevi para revista paróquias e casas religiosas edição Julho Agosto 2014.


Dia 10 de setembro de 2013 presidida pelo Bispo da Diocese de Umuarama Dom João Mamede foi celebrada a missa de dedicação de Igreja Matriz São Sebastião, na cidade de Japurá no estado do Paraná.

Projeto de autoria do arquiteto Eduardo Faust sob a coordenação do Pároco Padre Jaime Lemes e da comunidade da paróquia São Sebastião. 

   
O projeto trata da construção e/ou reforma completa de presbitério com 103,00 m²; sala para equipe de canto, duas sacristias, jardim, banheiro e capela somando 150,00 m²

A assembleia com 530,00 m² recebeu iluminação e o sistema elétrico foi refeito e expandido para receber a carga do sistema de condicionamento de ar.


Ao ponto final de eixo de simetria da Igreja está a Cruz com 13 metros de altura, e a emoldurando duas grandes paredes [7 metros] com desenho que nos remete a parte posterior das flechas que martirizaram o Padroeiro São Sebastião. 
“O sangue dos mártires é semente de novos cristãos” Tertuliano.


Ao lado esquerdo do presbitério foi criada uma sala para a equipe de canto e ao lado direito a capela para Nsa Sra Aparecida. 

Cruz, parede de fundos, sala e capela todas foram erguidas com estrutura metálica e revestidas com placas cimentícias. A cruz recebeu revestimento de madeira, a parede aos fundos: pedra de origem basáltica; a sala e a capela: tijolos aparentes, madeira e pintura. 


   
O desenho do mobiliário litúrgico [Altar, Ambão, Sédia] segue a mesma simbologia [das flechas], estes revestidos e estruturados com placas de travertino. 

A Fonte Batismal, recebeu placas cimentícias revestidas com granito.


Os valores foram convertidos em CUB [custo unitário básico] para que os valores expostos neste artigo mantenham-se atualizados.

  
TABELA DE CUSTOS DA OBRA


MATERIAL
AMBIENTE / PEÇA
 CUSTO
CUB
Porcelanato [Material]
 Presbitério patamares
 R$      13.000,00
11,44
Estrutura Metálica [Material]
 Paredes fundos Presbitério; sala de músicos; capela NS; pia batismal.
 R$      10.000,00
8,80
Placas Cimentícias [Material]
 Parede fundos presbitério, pia batismal.
 R$      19.082,00
16,80
Revestimentos Pedras e Tijolos Maciços [Material]
 Paredes fundos Presbitério; presbitério, jardim, capela NS.
 R$      12.217,50
10,75
Mão de Obra geral e Materiais brutos de Construção
 Itens acima + 2 sacristias + demolição
 R$      55.669,00
49,00
Pintura - Tintas, Vernizes e impermeabilizantes [Material]
 R$       2.780,00
2,45
Pintura [Mão de Obra]
 R$       4.500,00
3,96
Marmoraria [Material e Mão de Obra]
 Altar, ambão, sédia, pia batismal, degraus, soleiras, bancada banheiro, pedestal NS. 
 R$      45.000,00
39,61
Madeira [Material e Mão de Obra]
 Cruz, Banco ministros, sala dos músicos, entrada principal, anteparo dos refletores.
 R$      24.450,00
21,52
Instalações Elétricas [Material e Mão de Obra]
 Totalidade da obra, iluminação, ar condicionado e sonorização.
 R$      26.530,00
23,35
Limpeza do forro da igreja [Mão de Obra]
 R$          500,00
0,44
Projeto
 Arquitetônico, Luminotécnico, Vistas técnicas
 R$      15.000,00
13,20
Total
 R$    228.728,50
201,35